Exemplo que vem de dentro

Dicas
Exemplo que vem de dentro

Exemplo que vem de dentro

01/06/2018

Uma colaboradora da Brasilit decidiu ir na contramão do popular ditado popular que diz que “em casa de ferreiro, o espeto é de pau”. Maura Victório, do Departamento de Exportação da Brasilit, conhece como ninguém as vantagens das soluções da empresa, entre elas a Construção a Seco ou Light Steel Framing (LSF). Trata-se de um sistema construtivo que viabiliza a construção de qualquer projeto com qualidade, conforto e prazos menores quando comparados aos sistemas tradicionais. Por isso, não pensou duas vezes quando teve que decidir como seria a estrutura de sua nova casa. 

Ela nem teve que esperar o imóvel ficar pronto para sentir na própria pele os benefícios de sua decisão. A casa de 305 m² demorou apenas oito meses para ser construída, mandando para o espaço toda a apreensão, expectativa e eventuais dores de cabeça tão comuns em obras convencionais. E não foi só. “No final, não sobrou quase nada de material de construção”, comemora Maura. 

Esse tempo recorde e a baixíssima taxa de desperdício têm uma explicação. Na Construção a Seco, as obras são erguidas a partir de estruturas em perfis de aço galvanizado. Já o fechamento fica por conta de placas cimentícias pré-fabricadas, facilitando muito todo o processo. 

No dia a dia, Maura vem descobrindo várias outras vantagens. “Sinto que o conforto termoacústico é maior que o de uma casa de alvenaria”, diz. Ela conta que tinha até deixado prontos a fiação e o encanamento para passagem de tubulação de ar condicionado, mas sequer sentiu a necessidade de usar a climatização artificial. “Passei pelo verão tranquilamente”, conta. 

Aos que torcem o nariz para a alternativa construtiva por razões estéticas, Maura manda um recado. “As pessoas que me visitam nem percebem a diferença. Quando eu falo que é Light Steel Framing (LSF), elas ficam curiosas e intrigadas”.