Espigão telhado
Ago 30, 2023
0

Espigão telhado: o que é para que serve?

0

Ao planejar um projeto de cobertura, é essencial compreender todos os elementos envolvidos, incluindo o espigão de telhado.

Embora muitos proprietários não estejam familiarizados com essa parte específica da estrutura, entender sua importância é fundamental para garantir uma cobertura impermeável e duradoura.

Neste artigo, vamos explorar o significado, a função e as aplicações do espigão de telhado, trazendo informações valiosas para você.

O que é um espigão de telhado

 

Cumeeira espigão: o espigão é a parte do telhado que conecta a cumeeira ao beiral, desempenhando um papel crucial na impermeabilização da cobertura.

Tecnicamente, é o ponto mais alto do telhado, representado por uma linha horizontal onde duas áreas de telhado se encontram ao longo do comprimento da estrutura.

Além disso, o termo "espigão" também se refere à tábua ou viga utilizada na construção dessa junção.

Existem diferentes tipos de telhados, sendo o telhado de duas águas o mais comum em residências.

Ele consiste em dois planos de telhado inclinados e paredes triangulares em cada extremidade, conhecidas como empenas.

Já o telhado de quadril é uma variação desse modelo, onde não há empenas, mas sim um plano de telhado adicional em cada extremidade da cumeeira central.

Nesses casos, além do espigão horizontal, há picos inclinados onde os planos de telhado adjacentes se encontram, formando o que é chamado de viga de quadril.

Materiais utilizados no espigão de telhado

 

Existem diferentes materiais que podem ser utilizados na construção de espigões, cada um com suas características e aplicações específicas.

A madeira é um dos materiais tradicionalmente utilizados no espigão. Ela oferece uma aparência estética agradável, além de ser relativamente fácil de trabalhar.

A madeira também possui propriedades isolantes, o que pode ajudar na conservação térmica da estrutura. No entanto, é importante considerar que a madeira requer manutenção regular, como tratamento contra insetos e umidade, para garantir sua durabilidade ao longo do tempo.

Outra opção é o metal, como o aço galvanizado. O metal oferece resistência e durabilidade, sendo capaz de suportar cargas pesadas. Além disso, é um material resistente a intempéries, como a corrosão.

Os espigões de metal podem ser pré-fabricados e facilmente instalados, o que agiliza o processo de construção. Esse tipo de material é frequentemente utilizado em estruturas de telhado industrial ou comercial, onde a resistência é fundamental.

O concreto é outra alternativa comum utilizada na construção de espigões. O concreto armado oferece alta resistência e durabilidade, sendo capaz de suportar grandes cargas.

Além disso, o concreto é resistente ao fogo e às intempéries. Espigões de concreto são frequentemente encontrados em edifícios de grande porte, como prédios residenciais ou comerciais.

No caso do concreto, é importante destacar que a construção requer um processo mais complexo e demorado em comparação com outros materiais.

Em quais telhados é possível o uso de espigão?

 

Além dos tipos de telhados mencionados anteriormente, como o telhado de duas águas e o telhado de quadril, existem outros estilos que também podem utilizar espigões, como o telhado mansarda e o telhado gambrel.

O telhado mansarda é caracterizado por possuir uma inclinação mais suave nas laterais e uma inclinação mais íngreme na parte central. Esse estilo de telhado é comumente associado à arquitetura francesa e proporciona um espaço adicional no sótão para uso habitacional ou de armazenamento.

Os espigões são utilizados nesse tipo de telhado para conectar as áreas inclinadas e criar uma transição suave entre elas.

Já o telhado gambrel é semelhante ao telhado mansarda em termos de inclinação, porém possui duas inclinações diferentes em cada lado. A parte inferior do telhado tem uma inclinação mais íngreme, enquanto a parte superior apresenta uma inclinação mais suave.

Esse estilo de telhado é frequentemente associado a celeiros e chalés. Os espigões são utilizados para conectar as diferentes inclinações do telhado, garantindo uma transição harmoniosa e fornecendo estabilidade estrutural.

Tanto no telhado mansarda quanto no telhado gambrel, os espigões desempenham um papel importante na estabilidade da estrutura e na criação de uma transição suave entre as áreas inclinadas do telhado.

Além disso, eles contribuem para a impermeabilização adequada da cobertura, evitando infiltrações e garantindo a durabilidade do telhado.

Ao projetar e construir um telhado mansarda ou gambrel, é fundamental considerar a escolha adequada dos materiais para os espigões, levando em conta fatores como resistência, durabilidade e estética. Também é importante seguir as normas e regulamentos de construção aplicáveis para garantir a segurança e a conformidade do projeto.

Espigão como parte fundamental da estrutura de cobertura

 

Nos dias atuais, muitas casas adotam estruturas de telhado espigão feitas de treliças pré-fabricadas, em substituição às tradicionais molduras de varas.

As treliças são estruturas triangulares de madeira construídas em fábrica como unidades completas e depois instaladas no local de construção. Elas são fixadas nas paredes da residência e conectadas por tábuas horizontais, conhecidas como terças.

Dessa forma, as treliças eliminam a necessidade de uma cumeeira convencional, e as terças oferecem suporte lateral.

Quando o telhado e o deck são instalados, o resultado é um telhado que se assemelha a uma estrutura emoldurada por varas.

Importância na impermeabilização da cobertura

 

Ao optar pelo uso de espigões em sua construção, é importante escolher produtos de qualidade e confiabilidade, como os oferecidos pela Brasilit.

Independentemente do porte do projeto, desde residências simples até edificações de vários andares, os espigões podem ser utilizados com eficiência.

É fundamental levar em consideração o orçamento da obra, mas também garantir a proteção adequada para o telhado, uma vez que os espigões são acessíveis e apresentam alto nível de qualidade.

Vantagens do uso do telhado espigão

 

Destacamos a seguir algumas das principais vantagens do telhado espigão:

  • Impermeabilização e proteção contra intempéries

  • Ajudam a evitar vazamentos e infiltrações

  • Durabilidade, sendo essencial seguir as instruções do fabricante quanto à aplicação e manutenção adequadas da estrutura.

  • Fáceis de transportar e manusear, o que impacta positivamente na logística da obra e nos custos envolvidos.

Em suma, compreender o espigão de telhado é fundamental para garantir uma cobertura eficiente e durável.

Se você ainda tiver dúvidas sobre o uso do espigão em sua construção, não hesite em deixar sua pergunta nos comentários abaixo.

Compartilhe este artigo com seus amigos e conhecidos, ajudando-os a adquirir conhecimento sobre esse importante elemento da estrutura do telhado!

maicon.osf
Desenvolvedor

Comentários

HTML restrito

  • Tags HTML permitidas: <a href hreflang> <em> <strong> <cite> <blockquote cite> <code> <ul type> <ol start type> <li> <dl> <dt> <dd> <h2 id> <h3 id> <h4 id> <h5 id> <h6 id>
  • Quebras de linhas e parágrafos são feitos automaticamente.
  • Endereços de página da web e endereços de e-mail se tornam links automaticamente.
CAPTCHA

Respostas

Oct 23, 2023
0
0
Boas práticas de instalação de telhas Brasilit
Boas práticas de instalação das telhas Brasilit Você sabe como fazer a instalação das telhas Bras
Oct 16, 2023
0
0
Qual é a importância de usar a telha original Brasilit?
Qual é a importância de utilizar a telha original Brasilit? Está em dúvida sobre como escolher um
Oct 10, 2023
0
0
Infiltração no telhado: como resolver o problema?
Infiltração no telhado: como resolver o problema? Quando há infiltração no telhado de um imóvel —



maicon.osf
Desenvolvedor